Mapa de Ocorrências Policiais. Baseado no original https://github.com/Caged/portlandcrime, mas convertido para Python e banco trocado de MongoDB para PostgreSQL/PostGIS
Switch branches/tags
Nothing to show
Clone or download
Fetching latest commit…
Cannot retrieve the latest commit at this time.
Permalink
Failed to load latest commit information.
ocorrencias
static
.gitignore
README.md
settings.py
wsgi.py

README.md

#Mapa de Ocorrências Policiais#

Mapa de Ocorrências Policiais com estatísticas por bairro, por tipo de crime, etc.

Este projeto não é do tipo "crowdsourcing" de dados e sim para visualização de dados vindos dos órgãos de segurança.

Exemplo em: http://jgs.mapadeocorrencias.com.br/

Baseado no original https://github.com/Caged/portlandcrime, com as seguintes modificações:

  • convertido para Python (era Ruby)
  • banco trocado de MongoDB para PostgreSQL/PostGIS.
  • simplificação: retirada dos scripts CoffeScript
  • substituição do mapa da Cloudmade.com por um servidor de mapas próprio*

A parte visual permanece praticamente a mesma, portanto, todos os créditos da parte visual por enquanto pertencem ao Justin Palmer.

Este projeto é um "spin-off" de outro SIG maior que não foi para frente por motivos que não vem ao caso. Como separei o código e refiz algumas partes, podem aparecer alguns bugs, ainda estou testando tudo.

##Licença##

GPL para a parte em Python. A parte visual que permanece por enquanto igual, tem a mesma licença original do "portlandcrime"

##Requerimentos##

  • Django
  • GeoDjango (incluído na distribuição do Django)
  • Postgre/PostGIS (está rodando com a versão 1.5, mas com certeza funciona com a 2 também)

##Instalação##

  1. É necessário ter previamente instalado o Postgre/PostGIS.

  2. Crie um arquivo databaseconf.py na raíz do projeto com seus dados de conexão (apenas o que está abaixo):

MEUDATABASE = { 'default': { 'ENGINE': 'django.contrib.gis.db.backends.postgis', 'NAME': 'NOMEDODATABASE', 'USER': 'USUARIO', 'PASSWORD': 'SENHA', 'HOST': 'IP OU NOME DO SERVIDOR', 'PORT': '5432(ou outra)', } }

Executar o python manage.py syncdb para criar todas as tabelas

  1. Você pode testar usando o próprio servidor do Django com "python manage.py runserver 8000" ou criando um site em seu Apache. Na raíz do projeto você encontrará um arquivo wsgi.py para lhe auxiliar na configuração

##Alimentação dos Dados##

A importação dos dados deverá ser feito com algum script de importação. Estou providenciando um exemplo.

(*) essa parte necessitará de uma mudança pois meu servidor só tem o mapa de eixos de Blumenau e de Jaraguá do Sul. Como meu servidor usa mesma tecnologia do Open Street Maps, a substituição será simples.